✓ Resenha: Viagens a Mundos Invisíveis - Anthony Peake

quarta-feira, 7 de setembro de 2016




Sinopse: Anthony Peake revela que todas as formas de experiências fora do corpo, como projeção astral, sonhos lúcidos ou visão remota, são elementos de um mesmo fenômeno, que pode proporcionar uma visão mais profunda da consciência humana e ser um instrumento de autoconhecimento e crescimento pessoal. O autor relata que um dos maiores mistérios da nossa existência é a sensação de deixar o corpo físico nesta dimensão e visitar outros níveis de realidade através do deslocamento da nossa consciência. Com base em pesquisas nos campos da neurociência, física quântica e estudos sobre a consciência, o autor sugere um novo modelo multidimensional, segundo o qual a nossa percepção abrange muito mais níveis de realidade do que podemos imaginar.


Título: Viagens a Mundos Invisíveis
Autor: Anthony Peake
Gênero: Jornalístico
Editora: Pensamento
Páginas: 264
Onde comprar: R$
Classificação: R$33,60
Livro cedido em parceria com a editora.





"E.o próprio mundo é estranho e maravilhoso por vias que ninguém, a não ser os místicos e os poetas, poderiam imaginar."

Viagens a Mundos Invisíveis está mais para um livro jornalístico do que espiritualista, onde o autor debate com afinco o tema: Experiências fora do corpo físico.

Repleto de informações, Anthony Peake trouxe para esse livro tudo que vivenciou e pesquisou sobre o tema ao longo de sua vida. Diversos trechos são experiencias verídicas, comprovadas pelo autor através do relatos de pessoas que viveram tais experiências unidas a outras que puderam comprovar o feito de alguma forma. Com esse apetrecho toda a viagem pelas páginas desse livro se torna muito mais interessante.

Experiências extra-corporais (ou ecsomáticas) não estão somente ligadas a quase morte, elas podem ser vivenciadas aleatoriamente, como há relatos de pessoas que sentadas apenas notaram estar fora de seus corpos quando percebiam estar "alheias" as demais. Assim como há relatos de pessoas que saíram de seus corpos durante o sono, visitando parentes distantes e comprovando tais feitos. É algo bem complexo, e extremamente instigante de ser lido através de Anthony.

Ainda nessa linha, o autor explica para seu leitor as diferentes dimensões por onde podemos andar estando fora do corpo físico. Basicamente existem três mundos: 1. mundo consensual que é consistente e confiável, muito próximo ao que vivemos em matéria, o tempo é linear e flui do futuro para o presente, e daí para o passado. 2- O mundo dos sonhos que é elástico e maleável, falta a continuidade ou permanência, fortemente auto criado. 3- É o próximo nível, especula-se que seres que habitam esse lugar vivem vidas paralelas às nossas, sugere-se que nesse local podemos até encontrar nossos próprios duplos (doppegangers), talvez vivendo vidas ligeiramente diferentes em planos de existência alternativos.

Os relatos debatidos pelo autor são interessante pela complexidade dos mesmos. Como alguém cego desde a infância poderia relatar e detalhar as coisas ao seu redor quando trago de volta a vida após uma acidente? Ou como uma mulher poderia ter visto um par de tênis andares a cima de onde estava hospitalizada durante uma morte clínica, e relatar isso assim que trazida de volta a vida? São casos como esses que intrigam e fazem as pessoas discutirem esse tema ao longo dos anos.

Mais interessante que tudo isso foi descobrir que existem "máquinas" e laboratórios capazes de provocar essa projeção astral. Nosso autor passou por uma experiencia dessas e relata sobre isso no livro. 

No Brasil existe um grupo de pesquisas com um centro (Immobilitarium) onde pesquisadores ficam em uma sala que os priva de estímulos sensoriais. (Quem assistiu Strange Things e gosta de especular teorias, deveria conhecer esse livro! Tem uma ligação imensa com o suposto mundo paralelo, chega a dar arrepios!)

Aliás um pesquisador e médico brasileiro foi um dos pioneiros na área, deixando um livro rico em relatos - Vida Após a Vida.

Outro ponto muito interessante foi descobrir que existe organizações que oferecem treinamento em viagens astrais e experiencias fora do corpo. Por uma certa taxa, o iniciado pode ser treinado para ver locais distantes, visitar amigos e até mesmo viajar para o espaço exterior. Pasmem, há uma industria imensa construída em torno dessa ideia!

Para o autor a questão não é se as experiencias são reais, mas se as experiencias ocorrem em uma realidade consensual ou se ela é um estado alterado de consciência. Seriam reais esses estados alterados de consciência artificialmente criados ou seriam apenas alucinações? Por mais interessantes que possam ser, não são provas de uma genuína experiência ecsomática.

Portanto o ponto realmente interessante é que o autor é um cientista, estudioso e não temos um foco religioso, são de fato experiências vividas e relatadas, onde em partes, quem passa por isso alega ter entrado em contato com divindades, mas o autor calcula tudo isso de modo "cético", ponderando o que ele de fato acredita com o que ele conclui que possa ser uma alucinação de um cérebro moribundo nos casos de quase morte.

Mesmo sendo uma leitura fácil e ágil, ainda pode ser um pouco complicada para leigos no assunto (assim como eu), temos um balde de informações em poucas páginas, então é necessário atenção e uma boa linha de compreensão. Temos algumas coisas ligadas ao Cabala, onde há uma breve explicação sobre os dez níveis do universo, esferas e sephiroth. Bastante intrigante e complexo, que trás um sentido fantástico para toda a pesquisa. Também se faz presente o Xamanismo, visto de uma forma como nunca parei para analisar.

Finalizando, toda essa pesquisa é muito mais que misticismo, é ligada e fundamentada na ciência e na física, e o fenômeno acontece com muito mais frequência que eu e você imaginávamos!

"Simplesmente, ele não conseguia entender como pôde estar fora do seu corpo, olhando para si mesmo de uma curta distância. Ele queria encontrar uma explicação plausível porque não estava morrendo quando esse fenômeno ocorreu. Estava apenas exausto, mas alguma coisa estranha havia acontecido naquela noite abafada muitos anos atrás; alguma coisa que, para ele, era completamente inexplicável." 


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

19 comentários:

  1. Que diferente. Pelo título e a capa realmente achei que fosse um livro mais espiritualismo, onde personagens viveriam muitos mistérios. Mas como é algo mais jornalístico, acho que posso comentar que já vi alguns documentarios onde alguns cientistas afirmam que a experiência de quase morte permite que as pessoas saiam de seus corpos. Eu ainda não sei se acredito nisso ou não, mas acho que essa seria uma ótima leitura complementar. Adorei a resenha.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Não curto esse tipo de leitura.
    Mas parece ser uma obra interessante.
    Não sou leiga nesses assuntos também.
    Gostei da sua opinião e da dica.
    Porém não leria esse livro não.
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  3. Oi, Andréa!!
    Que livro interessante!! Principalmente para quem gosta do assunto.Parece muito com um daqueles programas que passa na tv!!É um livro bastante intrigante que fala de um tema muito polêmico e contraditório que e a experiência extra-corporal.
    Beijoss

    ResponderExcluir
  4. Sempre achei esse tipo de assunto muito interessante, mas quando comecei a ler a resenha pensei que não iria gostar quando você disse que era um livro muito jornalístico. O que foi um engano. Quando terminei de ler a resenha já estava morrendo de curiosidade e querendo ter o livro aqui comigo para ler. Vai pra minha lista de desejados.

    Abraços :)

    ResponderExcluir
  5. Não imaginava que existia estudos e uma industria baseada em experiências extracorpóreas. Sério, estou abismada. Não sabia da existência desses 3 mundos ou dessas máquinas que conseguem causar a projeção - fiquei com vontade de testar. Já quero fazer esse treinamento de fazer viagens para ver o espaço exterior- imagina o quão legal deve ser ? Acho que leria esse livro (mas começaria lendo outro primeiro para ter uma base já que esse tem muitas informações)

    ResponderExcluir
  6. Andica!
    Teve um tempo da minha vida que era fissurada pelo assunto, estudava vários livros, acompanhava pessoas que viveram a experiência, depois esfriei um pouco, porém é um assunto que muito me interessa e fiquei com muita curiosidade em poder acompanhar o trabalho do autor.
    “Educar é semear com sabedoria e colher com paciência.” (Augusto Cury)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de SETEMBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  7. Oi Andréa!

    Vi sua publicação ontem no face e já havia fcado curiosa qto ao livro. Agora, depois de ler sua resenha, só posso colocá-lo imediatamente na minha lista de desejados e comprá-lo o mais rápido possível.
    Não tenho conhecimento sobre o assunto. Só o que leio em livros espíritas e que vejo em algumas matérias. Mas é um assunto incrível de ser explorado.
    Parabéns pela resenha. Só me deixou mais curiosa!

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  8. Olha, não sou de ler muito livros de espiritualismo, não gosto muito, então não sei se leria.
    Mas adorei saber que é um livro de leitura rápida e por ele ser um cientista abordar esse assunto, mesmo de modo cético, me deixou levemente curiosa. Fora que seria bem interessante ler algo completamente diferente do que estou acostumada...
    Quem sabe eu não tenha essa oportunidade? Mas no momento, não tenho muito interesse não.

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  9. Olá! Concordo que o enredo eh bastante interessante, mto bom, um amigo havia me flado desse livro, e eu nao imaginei q iria me prender tanta atenção, excelente sua resenha, qro conferir mais q nunca!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  10. Que diferenteee! Eu nunca li um livro do gênero jornalístico, mas acho que deve ser super legal. fiquei muito curiosa para ler o livro, ainda mais por saber que alguns dos experimentos são verídicos. Ótima resenha (como sempre <3). Beijão:*

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia o livro, mas não achei ele muito interessante :/ Não chamou muito minha atenção.

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Não conhecia o livro, mas achei a premissa muito interessante. Tenho curiosidades sobre esse assunto e gostaria de ler. Acredito ser uma leitura um pouco complexa, mas de qualquer forma, um aprendizado. Dica anotada. Obrigada. Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Olá.
    Livros com temáticas espíritas ou que tenham qualquer cunho religioso não me chamam a atenção em nada. Mesmo se tratando mais de um livro jornalístico.
    Apesar dos bons elogios, não seria um livro que eu leria.

    ResponderExcluir
  14. Olá Andréia, esta bem? Que saudade que estava do teu blog, acho demais a gente poder conferir resenhas de livros tão diversificados, sabe? Que mais conferir a resenha deste livro, ainda não o conhecia e achei super interessante termos a oportunidade de ler algo relacionado a este gênero, pois realmente é uma leitura diferente ao que estamos acostumados, e ao mesmo tempo é um tema que de alguma forma sempre nos chama a atenção. Livro mais que incluído a lista de desejados, Espetacular tua resenha! Um super beijoo

    ResponderExcluir
  15. Oi..
    Nao conhecia o livro e parece ser bem interessante e assim como vc tambem sou meio leiga nesse assunto e nunca li nenhum livro com esse tema,e gostei mais ainda por ele trazer fatos reais de pessoas que passaram por isso e nao ter um foco biblico.. muito boa dica e resenha com certeza vou ler..
    Um abraço e muito sucesso :)

    ResponderExcluir
  16. Oiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii. Esse livro pensei que seria meio que espiritual, mass não é não. Ahei interessante a prosposta do livro, mas acho que não é a minha praia. Nunca ouvi falar desse livro e nunca ouvi ninguém falando.

    ResponderExcluir
  17. Bem diferente do que estou acostumada a ler, mas não curto muito o estilo. Ja li alguns mas achei a leitura muito cansativa.

    ResponderExcluir
  18. Não conhecia o livro. Parece ser bem interessante! Não sabia que existia uma indústria voltada a esse tema. Vou pesquisar mais sobre o assunto! 😉

    ResponderExcluir
  19. Achei interessante ser um livro jornalista contando sobre o que o autor pesquisou, achei bacana mostrar as dimensões de quando estamos fora do corpo físico e mesmo sendo muita informação parece ser de leitura rápida.

    ResponderExcluir

Se você tem um blog, deixe o link, retribuo com carinho todos os comentários!

Por Dentro


© Fundo Falso - 2016. Todos os direitos reservados | não responsivo, melhor visualizado no Google Chrome.
Design e programação por Andréa Bistafa | Ilustração original de Marciano Palácio | Tema base: Blogger | Versão 4.0 | Blog no ar desde 11.01.2011.