✓ Resenha: Nove Regras a Ignorar Antes de se Apaixonar - Sarah MacLean

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Sinopse: A sonhadora Calpúrnia Hartwell sempre fez tudo exatamente como se espera de uma dama. Ainda assim, dez anos depois de ser apresentada à sociedade, ela continua solteira e assistindo sentada enquanto as jovens se divertem nos bailes. Callie trocaria qualquer coisa por uma vida de prazeres.
E por que não se arriscar se, aos 28 anos, ela já passou da idade de procurar o príncipe encantado, nunca foi uma beldade e sua reputação já não lhe fará a menor diferença? Sem nada a perder, a moça resolve listar as nove regras sociais que mais deseja quebrar, como beijar alguém apaixonadamente, fumar charuto, beber uísque, jogar em um clube para
cavalheiros e dançar todas as músicas de um baile. E depois começa a quebrá-las de fato.
Mas desafiar as convenções pode ser muito mais interessante em boa companhia, principalmente se for uma que saiba tudo sobre quebrar regras. E quem melhor que Gabriel St. John, o marquês de Ralston, para acompanhá-la? Afinal, além de charmoso e devastadoramente lindo, ele é um dos mais notórios libertinos de Londres.
Contudo, passar tanto tempo na companhia dele pode ser perigoso. Há anos Callie sonha com Gabriel e, se não tiver cuidado, pode acabar quebrando a regra mais importante de todas – a que diz que aqueles que buscam o prazer não devem se apaixonar perdidamente.

Título: Nove Regras a Ignorar Antes de se Apaixonar
Autor: Sarah MacLean
Série: Os Números do Amor #1
Gênero: Romance de Época
Editora: Arqueiro
Páginas: 384
Onde comprar: R$27,19
Classificação: 10 (Excelente!)
Livro cedido em parceria com a editora. 



Eu sou apaixonada por romances de época e isso não é novidade para ninguém! Vocês também sabem que apesar da minha louca paixão, sou um pouquinho exigente com a trama, mesmo que quase em geral seja romantizada/fantasiada e pouco condizente com a realidade da época, mas nós gostamos de ler romances para sonhar, afinal, quando quero realidade acabo procurando outro gênero. A partir daí então, a tecla de clichê fica ativa, e bola lá!

Nove Regras a Ignorar Antes de se Apaixonar não tem nada de diferente, exceto pela escrita magnífica da autora. Eu amei essa obra.
Nunca havia lido nada da Sarah MacLean (apesar de ter vários na estante rs), juro que acreditava encontrar uma pegada Julia Quiin. Mas não, Sarah me parece mais ousada e feminista, deu um poder todo especial a inocência da protagonista.

Lady Calpúrnia é a clássica dama de família nobre, que sempre fez tudo que condiz com sua posição na sociedade, exemplo de respeito e recato. Nunca arriscou, nunca se apaixonou, nunca viveu bem dizer. Aos 28 anos, idade avançada (na época) para o casamento, toda a pose que sempre manteve não trouxe um marido, nem sequer uma paixão, muito menos felicidade. Então decide que uma vez já solteirona, não tem nada a perder. Com isso, cria uma lista com nove regras sociais para quebrar:

1. Beijar alguém... apaixonadamente
2. Fumar charuto e beber uísque
3. Montar com as pernas abertas
4. Esgrimir
5. Assistir a um duelo
6. Disparar uma pistola
7. Jogar (em um clube para cavalheiros)
8. Dançar todas as danças de um baile
9. Ser considerada linda. Pelo menos uma vez

Feita a lista está posta a bagunça! Para quebrar a primeira regra, Callie (apelido da protagonista) já tem em mente seu alvo: um rapaz que certa vez ela acreditou ter visto beleza nela.
A protagonista tem uma autoestima baixa, já que foge dos padrões de beleza, sendo um tanto gordinha, fato que adorei, gosto de autoras que quebram padrões e mostram a beleza que existe em todas nós.

Falando um pouco do rapaz que Callie vai armar uma loucurinha para quebrar a primeira regra, o Marquês Ralston: um libertino. Novidade né?  Rs. Gostei muito dele, tem uma família um pouquinho conturbada, com isso cuida de seu irmão mais novo - por minutos - que é gêmeo e igualmente belo, quando a noticia de que possui uma irmã perdida por aí chega até ele. Então o Marquês (que se chama Gabriel - um problema nos livros históricos é essa variação de nomes e títulos, até ligarmos todos, já se foram cem páginas rs) terá o desafio de introduzir a irmã, Juliana, na sociedade, e viria a calhar a ajuda da doida da Callie para isso. Então surge o famoso acordo. Será que vai dar certo? Será que ninguém vai perder o coração pelo caminho?

Eu não costumo ver graça em personagens secundários, não sou daquelas que adora a melhor amiga, que acha o fulaninho da lojinha legal, não, eu simplesmente foco nos protagonistas. E acho que o maior diferencial de todos pra mim nessa obra, é justamente ter me apaixonado por esses personagens! Eu estou louca para ler uma trama da Juliana e do Nicholas (o irmão) pois a essências deles realmente fica, e eu doidinha aqui para ser a protagonista do livro do Nicholas (vai Sarah, coloca eu! kkk).

Voltando a libertinagem, apesar dos pesares, eu gostei da explicação, gostei do porque se apaixonar por uma "solteirona" quando se tem todas aos seus pés. É simples, Gabriel nunca havia encontrado uma mulher tão ousada, não que Callie realmente fosse, mas a situação da quebra da primeira regra, realmente impactou, nunca havia encontrado uma mulher tão apaixonada pela vida, ávida por sentir as sensações proibidas para mulheres na época! Então, seria melhor seguir essa doidinha para que ela não se metesse em confusão quebrando as demais regras, não?

Livros de época não são de fato completos se não tiver uma pontinha de realidade. E a autora trouxe para os diálogos corriqueiros fatos como a derrota de Napoleão, por exemplo. Diálogos com veracidade, desses que conversamos no dia a dia quando vemos uma notícia. Veracidade que também está presente em fatos de ligação da trama, detalhes de cômodos, salas, posições de objetos que fazem o plano de fundo, deixando o cenário completo, já que ligam trechos do livro, te passando aquela sensação de estar assistindo um filme.

Concluindo, a história é bem rápida, já que a escrita é inteligente, ágil, divertida e sensual. Acompanhar a protagonista quebrando as regras da sociedade e fazendo um libertino se apaixonar com tamanha personalidade, é de transborda o coração de todas as românticas. Super indicado! Favoritei! E agora é só esperar pelos outros dois livros dessa série - Os Números do Amor.

"Ela recostou a cabeça na poltrona de espadar alto e, inspirando fundo, inalou o agradável aroma de livros há muito amados e revisitados, imaginando-se a heroína daquela história em particular…"



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

24 comentários:

  1. Oi Andréa!

    A Geeh leu este livro e tbm gostou muito. Preciso comprar todos os romances de época da Arqueiro, só assim, vou me aventurar no gênero!

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  2. Nunca li nada da Sarah (nem da Julia Quinn).
    Sou romântica assumida e acho que gostaria muito desse romance.
    Adorei a história. Confesso que também não me apaixono por personagens secundários.
    Vou colocar esse livro na listinha.
    Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  3. A história é bem interessante e gostei muito da lista que a personagem Calpúrnia ditou para ela mesma, adoro essas personagens que tem uma personalidade marcante e que se diferem das outras nessa sociedade de época. Com certeza já esta na minha lista

    ResponderExcluir
  4. Andréa! Essa série tá dmais!! Romances de época me prendem total tenção! Cada vez que leio algo dos livros me sinto mais ainda dentro da história...Preciso começar urgente!!!
    Parabéns pela resenha, tá mto boa!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Meu Deus preciso comprar já!
    Já até imagino o que essa personagem vai aprontar!
    kkkkkkk
    Dessa lista o que eu faria primeiro seria beber wisky! Pra dar coragem
    kkkkkkkkk
    Obrigada pela dica! São quantos livros essa série?! Falência tô indo!
    Biejosss
    P.S.: amei esse selinho maiores de 18!
    KKKKK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai amar, pode comprar, sem arrependimento! Rsrs
      São três livros, mas só foi lançado esse aqui no Brasil por enquanto!
      hsuahsauh que bom q gostou do selinho =P

      Excluir
  6. Oi Andréa.
    Eu li Entre o amor e vingança da mesma autora e gostei bastante da escrita.
    Achei bem interessante e diferente essas 9 regras a serem quebradas. A Callie vai passar por muitas aventuras para atingir o seu objetivo e o Marquês Ralston vai ter muito trabalho para cuidar da Callie rsrs
    Espero ler esse livro em breve!

    ResponderExcluir
  7. A história parece ser legal e mesmo não curtindo muito o gênero deu vontade de ler por parecer ser um livro engraçado. O romance me parece ser mais do mesmo mas algo me diz que as cenas que ela quebra as regras devem ser hilárias (morri com isso ''Montar com as pernas abertas''). Também curti o fato da protagonista ter uma personalidade mais ousada.

    ResponderExcluir
  8. Estou lendo esse livro agora, agorinha mesmo.
    E se eu estou amando? Sim, claro ou com certeza?
    Muito amor envolvido por essa história e pela escrita da autora.
    Não consigo largar, acho que hoje já termino.
    Está me prendendo demais esse livro rs
    Ótima resenha.
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Nunca li nada da autora, mas a premissa desse livro é realmente muito envolvente. Gosto de romances de época e com certeza esse será uma ótima leitura. Suas palavras me motivaram mais anida a ler esse livro! Parabéns pela resenha, perfeita. Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Oi, Andréa!!
    Adoro romances de época!! Esse livro parece ter um história muito divertida e envolvente!!
    Estou louca para ler. Amei a resenha. Espero que não demore para lançar os próximos livros.
    Beijoss

    ResponderExcluir
  11. Apesar de não gostar tanto do gênero, confesso que esse título, por si só, me fez ficar curiosa pra ler, e claro, sua resenha maravilhosa!
    Adorei saber que a autora tem uma pegada feminista, e por ser um romance de época, faz toda a diferença na hora de ler, já que feminismo não é algo comum, digamos assim, antigamente.
    Obrigada pela dica!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  12. Eu também sou apaixonada por Romances de época, e me apaixonei por esse livro mesmo sendo clichê! Eu adorei toda a história, adorei a escrita da autora, e adorei a Callie. Dos personagens secundários eu também amei a Juliana e o Nicholas, e estou doida pelo livro deles *-*

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Oi Andréa.
    Já li Entre o amor e a vingança e a série dos Canalhas dessa autora e fiquei extremamente encantada!
    Uma das características da escrita da Sarah Maclean é focar na personalidade de suas protagonistas. A narrativa é sempre envolvente e desafiadora. E geralmente ela foca em protagonistas fortes e diferentes dos padrões daquela época.
    Adorei as regras da Calpúrnia, kkk. A sua lista é bem intrigante para a época. Mal posso esperar pra vê-la concluir cada uma :D
    Já quero conhecer mais da Callie, principalmente por ser um livro mais feminista e ela ser uma personagem tão forte.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  14. Ao contrário de você, desgosto de romances pelo mesmo que você gosta: o clichê. É previsível e sempre sabemos como a história vai terminar, afinal romances são sempre iguais. Por isso essa onda de romances de leitores apaixonados por romances de época não me atingiu. Gosto de tramas mais densas que me façam refletir, e não suspirar/sonhar.

    ResponderExcluir
  15. Aaaahh a cada resenha a minha vontade de ler esse livro só aumenta, amei a resenha e nossa eu amo romances de época, um dos meus gêneros favoritos, a Callie se tornou ousada para os padrões da época hahahah, e ela esta com a razão 28 anos, nada de conseguir casar, vamos aproveitar, espero poder ler em breve, e essa capa é linda demais.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  16. Recentemente virei uma fã dos romances de época e esse é um dos que estou louca pra ler. Por mais que eu tenha amado a Julia Quinn, tenho certeza que uma diferença na forma de escrever dela pra essa autora deve manter uma leitura do meu agrado. Pretendo ler com toda certeza.

    Abraços :)

    ResponderExcluir
  17. Eu to doida pra ler este livro! Adorei a ideias das regras e quero ver como Callie vai quebrar cada uma delas!
    Também achei bacana o fato da personagem ser gordinha, esse é um diferencial.

    ResponderExcluir
  18. Eu já li Entre o amor e a vingança da autora, e gostei muito da escrita dela. Estou morrendo de vontade de ler esse livro. Ele parece ser perfeito, e só de ler sua resenha, já acho que vou amar os protagonistas. Eu achei essa ideia da lista muito legal, e bem diferente. Tenho certeza de que também vou amar o livro, só espero ler ele logo =)

    Bjss ^^

    ResponderExcluir
  19. Oi tudo bem..
    Ja havia lido outras resenhas do livro e todas sempre tem otimos comentarios ,por isso ja ta na minha lista de leitura e adorei a capa ,e depois de tanto nota 10 pro livro ai é que fiquei curiosa pra ler mesmo.
    Um abraço e muito sucesso :)

    ResponderExcluir
  20. Eu simplesmente amo o gênero, é meu preferido se tiver que escolher algum. E nunca li nada dela, mas falei que leria esse para ver como a autora é com suas histórias. E caramba se a mulher não fez um baita romance ali. Ele é bem interessante e já achei um tanto diferente por não cair naquele clichê de mocinha bonitinha e tímida. A personagem é cheia de personalidade e essa lista foi uma ideia bem legal, fico só imaginando as cenas que o livro rendeu. De personagem masculino só a parte da libertinagem é que caiu num clichê. Mas agora resta ver como isso foi feito e como ela elaborou a coisa toda. Espero estar lendo ainda esse ano, quem sabe pegar o outro que vai sair e fazer uma dobradinha. Bom ele é, acho que vou gostar também.

    ResponderExcluir
  21. Oi, tudo bem?
    Ainda não li o livro mas desde que li o meu primeiro romance de época e me apaixonei completamente pelo gênero, quero muitíssimo ler, só vejo resenhas maravilhosas. O que mais gostei foi a personalidade da personagem principal não ser como na maioria dos romances históricos. Também nunca li nada da autora então vai ser o meu primeiro contato com a escrita que já me parece ser maravilhosa rs.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  22. Nunca li nenhum livro da autora e como eu amo romances de época não poderia deixar de ler. Gostei bastante da resenha, adoro um livro com a escrita fluída e que quando voce perceber o livro já está no fim.

    ResponderExcluir
  23. Oi!
    Esse foi o primeiro livro da Sarah que li e virei fã, realmente a trama não nos trás muita novidade mas a escrita da autora conseguiu dar esse algo a mais a historia que a tornou unica, adorei a Callie e gostei muito de acompanhar seu crescimento ao longo da serie e principalmente sua relação com o Gabriel e estou doida para ler os livros dos Irmãos dele !!

    ResponderExcluir

Por Dentro


© Fundo Falso - 2016. Todos os direitos reservados | não responsivo, melhor visualizado no Google Chrome.
Design e programação por Andréa Bistafa | Ilustração original de Marciano Palácio | Tema base: Blogger | Versão 4.0 | Blog no ar desde 11.01.2011.