♡ Recomendo: Marvel - Jessica Jones

domingo, 29 de novembro de 2015


Olá gente, eu hoje venho trazer pra vocês um tipo de postagem que eu nunca trouxe para o Fundo Falso. Pensei em usar o título de resenha, mas o que vou publicar não é uma resenha da série, acredito que nem saberia como começar a fazer algo assim, por isso o que trago pra vocês é uma recomendação. Comecei recentemente a assistir a nova série da Netflix chamada Jessica Jones, acredito que se vocês morem no planeta terra já tem sido constantemente bombardeados com informações sobre ela, e eu hoje vou tentar convence-los a assisti-la também. Espero que vocês curtam a postagem.

Então aperta aí o leia mais e confira!

Assim que começaram os burburinhos sobre a série nas redes sociais eu fiquei muito curiosa sobre quem seria essa "nova heroína", porque eu não a conhecia, então fui pesquisar. De acordo com alguns blogs especializados em HQ, assim como alguns vlogs no Youtube fiquei sabendo o seguinte:

Jessica Jones foi criada por Brian Michael Bendis e desenhada por Michael Gaydos, sua primeira aparição aconteceu em 2001 na HQ Alias, que foi lançada pelo selo Marvel Max, um selo “mais adulto” da Marvel, equivalente ao selo Vertigo da DC Comics, onde as histórias são mais violentas, se passam em ambientes urbanos e buscam chamar mais atenção do público adulto.

O Nome de batismo da personagem é Jessica Campbell, e ela nasceu e foi criada em Forrest Hills, Nova Iorque. Ela estudou com Peter Parker, sim o Homem Aranha, e foi apaixonada por ele no colegial. Jessica recebeu seus poderes ao sofrer um acidente de carro com a sua família. O carro onde eles estavam bateu em um caminhão do exército que transportava produtos químicos radioativos, toda sua família morreu, e ela sofreu "mutações" ao ser exposta aos produtos químicos. Seus super poderes são, Pular muito alto, de modo que aparenta um quase voo, força sobre-humana e grande resistência física.



Jéssica teve inicialmente uma identidade secreta chamada “Jewel”, mas que não fez tanto sucesso, nesse meio tempo ela teve problemas com um vilão que nas HQ's é chamado Homem Púrpura, esse personagem tem o poder de controlar a mente das pessoas e Jessica Passou um longo tempo sob o seu poder, onde sofreu abusos sexuais, físicos e psicológicos. Após conseguir se libertar ela abriu um escritório de investigação, chamado Alias, é aí que a série da Netflix começa.

Apesar de seus super poderes o tempo que passou sob o domínio do homem púrpura a traumatizou muito, o que acaba levando-a recorrer muitas vezes a bebida como válvula de escape para os seus problemas emocionais. Isso faz de Jéssica Jones uma personagem mais humana e consequentemente bem mais atrativa. Outro fator importante para o sucesso da série é o da representatividade feminina, não é de hoje que as mulheres tem desejado por uma representante à altura no mundo dos quadrinhos, e Jéssica veio com tudo nesse quesito. Uma mulher de personalidade forte, completamente dona de si e das suas vontades, decidida, entre tantas outras coisas.

Porém o que me faz estar aqui convidando vocês a começarem a acompanhar a série é o fato dela não ser simplesmente uma série de super heróis. Jéssica Jones aborda muito mais em si que simplesmente isso. É uma série que retrata relacionamentos abusivos, fermentados de Gaslighting e os traumas oriundos deles, físicos e emocionais. É uma série que fala de empatia e sororidade, enquanto diz pra muitas vítimas: Não é sua culpa!

Ou seja, é uma série que tem tudo a ver com o nosso cenário atual e eu espero ter conseguido, chamar a sua atenção e despertar o seu interesse, para assisti-la. Ah, quase esqueci, quando o fizerem tirem as crianças da sala, pois a série tem cenas, Very, Very Hot!

Espero que tenham curtido o post.
Beijos ♥
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

9 comentários:

  1. Oi, flor!
    É a terceira recomendação que leio a respeito dessa série, mas é a primeira que a relaciona com a sororidade. Que dó da personagem. Senti-me um tanto enojada ao ver esse pequeno escerto da HQ que colocou aqui. Imagine fazer coisas que não quer, sem conseguir impedir o controle que um monstro como esse tem sobre você… Nossa. Que invasão! Pretendo assistir à série.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Kris. Tudo bem?
    Eu vi um vídeo sobre a série e fiquei bem curiosa, pois adoro super heróis, ainda mais super heroínas. E saber que apesar dos poderes, ela é tão humana, só faz a série parecer ainda mais incrível. Valeu pela dica!
    Beijos <3

    ResponderExcluir
  3. Comecei a assistir ao seriado e não amei de cara, até porque acho que é meio isso que a série propõe até porque a Jéssica e sem graça e leva uma vida monótona, mas o diferencial é que ela vai se abrindo pra gente e passamos a vê um outro lado dela. Ou seja, acho que nos aproximamos dela por ela se mostrar humana - apesar de seus poderes.
    Espero que o seriado me ganhe até o final dessa primeira temporada.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Já estou acompanhando essa série e estou adorando, o que é uma surpresa até para mim, pois não sou muito fã de super-heróis. Achei muito interessante a história da Jessica quando fui pesquisar, e o que mais achei legal foi ela já ter estudado com o Peter, o que liga ela a um herói que conhecemos bem.
    Adorei o post, faça mais assim!

    Beijos
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi querida,
    Primeiro parabéns pelo post já tinha ouvido falar dessa série mas não entendi nada porque achava que era apenas de investigação mas pelo seu post vi que tem mais a ver com o universo dos quadrinhos. No momento estamos assistir ao demolidor nesse estilo, mas anotei a dica e se puder vou conferir.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    http://leiturakriativa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Eu ainda não conhecia essa série, fiquei muito curiosa após ler essa incrível resenha
    Beijos

    http://myself-here1.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como eu disse não é uma resenha, que pena que você não leu, perdeu um assunto bem interessante.

      Excluir
  7. Eu vi quando saiu mas ainda estou terminando outra série pra ver essa, que deve ser bem bacana.
    Resenha tá ótima!
    Bjs
    Kátia.
    www.caminhandoentrelivros.com.br

    ResponderExcluir
  8. Olá Kris...
    Adorei a sua recomendaçao... sou super fã da Marvel e sem dúvidas preciso muito assistir esse seriado...

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir

Por Dentro


© Fundo Falso - 2016. Todos os direitos reservados | não responsivo, melhor visualizado no Google Chrome.
Design e programação por Andréa Bistafa | Ilustração original de Marciano Palácio | Tema base: Blogger | Versão 4.0 | Blog no ar desde 11.01.2011.