Desabafo: Valorize mais o nosso trabalho

quinta-feira, 31 de julho de 2014



Este é um post desabafo, pois hoje me encontro imensamente triste com o pensamento de certas pessoas. Quanto mais quando essas pessoas estão entre aquelas que defendo com unhas e dentes.

Quem me conhece sabe o quanto gosto de ler e divulgar a literatura nacional. O qual importante para mim é ter amigos escritores. E foi entre esses meus "amigos" virtuais que hoje vi uma coisa que me chocou e magoou profundamente.

Não direi nomes obviamente, mas o texto ao qual me refiro cita que os blogs pedem livros de autores nacionais, pois sabem que não conseguirão de autores internacionais, e não acha justo um blog solicitar de graça um livro nacional e comprar um estrangeiro.

Bom, vamos por partes. Gostaria que soubessem que a critica que faço não se generaliza, pois felizmente tenho muitos amigos que não veem meu trabalho dessa forma.

Para quem chegou agora, vou me apresentar. Sou Andréa Bistafa, mãe de um menino de um ano de idade, dona de casa, esposa de jogador de futebol. Minha vida muda a cada seis meses quando tenho de fazer as malas e acompanhar meu esposo para seu novo contrato. Não, não sou rica, não são todos os jogadores que ganham como o Neymar. 
Quem é mãe sabe o quanto tempo do nosso dia toma a criação de um filho, e depois quanto tempo leva arrumar a bagunça que ele faz, o tempo entre o almoço e o jantar. 
Até aqui você notou que podemos reduzir do meu dia umas 10h de trabalho certo? E é assim que meu filho dorme e meu esposo chega eu sento na frente do notebook e começo a redigir meus textos. 
Meu blog existe a 3 anos, e o considero como meu trabalho. Cursei Jornalismo porém não conclui meu curso e hoje o meu ganha pão está relacionado a comissão de vendas feito por este meu blog. O que não é muito com certeza.

Quando me proponho a divulgar autores nacionais, principalmente aqueles que não tem livros a vendas em grandes magazines, eu estou doando meu tempo livre, sim, doando. Não ganho absolutamente nada com isso. Faço por amor, por amizade.
Agora me diga você, é justo, assim como o colega se referiu acima, que eu pague para trabalhar? O livro que recebemos em parceria são mais como material para trabalho do que propriamente diversão.

Você escritor que esta começando agora, compreendo que tenha gastos e que nada fácil é essa carreira. Mas a minha também não é. 
Porque grandes editoras, como Record, Intrínseca e Novo Conceito, por exemplo, firmam parcerias com blogs como o meu? Esse tipo de parceria tem um nome, "divulgação de baixo custo". Nada é de graça. As editoras não enviam livros de graça para blogueiros, elas investem, pois o custo beneficio que os blogs trazem é muito se comparado com outras mídias de divulgação.
Agora você autor, ainda acredita que enviar livros a blogueiros seja injusto? Claro não vamos generalizar, existem blogueiros sérios e blogueiros que querem tirar vantagem, assim como em todas as profissões. Cabe a você escritor, selecionar com quem trabalhar, assim como fazem as grandes editoras.

Não desmereça o meu trabalho! Falando por mim, já investi muito no meu blog, gastei muito dinheiro com divulgação para ter meu pequeno lugar ao sol. E nunca parei. Sempre sorteio livros e vales por aqui, certo? E isso me custa tanto quanto a você escritor, enviar seus exemplares. Faço marcadores, botons, chaveiros e destribuo a quem pede sem cobrar pelo custo deles.

Sou uma compradora de nacionais assídua. E posso dizer que quase tudo que comprei até hoje se fez após ter lido uma resenha em algum blog. Quase não compro livros de escritores internacionais, mesmo porque sempre tenho filas de leitura de todas as editoras parceiras. Meu tempo de leitura se reduz ao tempo quem consigo ficar acordada na madrugada. Portanto, normalmente quando estou lendo, não o estou fazendo por simples prazer, estou trabalhando.

Assim sendo, raramente me ofereço em parcerias com autores e quando o faço é porque gostei de alguma coisa na pessoa ou na obra, alguma coisa que me faz acreditar que aquele autor merece ser visto. Mas então me deparo com essa "regra" de parceria e te pergunto, - Mais vale seu livro sendo resenhado ou parado na prateleira da sua casa?

----------------------------------------------- ATUALIZADO -----------------------------------------------

O que eu quero dizer é, se você autor tem 5 livros que pode disponibilizar para esse fim, você fechará parceria com 5 blogs. Simples. Caso queira abrir parcerias para blogs que aceitem pagar pelo preço de custo isso precisa ser avisado antes, não fazer o blogueiro postar vários anúncios do seu livro e depois de um mês você dizer que não pode enviar um exemplar.
Como posso passar credibilidade aos meus leitores divulgando sua obra, se eu não sei se ela é boa? Como posso indicar algo que eu não conheço?

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Autores que estão começando precisam dar as mãos aos blogs que estão no mesmo trajeto. Não adianta meter os pés pelas mãos achando que grandes blogs terão disponibilidade de acolhe-los. Quanto maior o alcance do blog, menor é a disponibilidade dos serviços.

Que fique bem claro que não estou acusando aqueles que oferecem parceria e cobram valor de custo sobre os livros, mas sim sobre esse pensamento maldoso, essa forma agressiva que o autor se refere a nós blogueiros.

Bom, eu fico por aqui. Só gostaria de dizer aos meus amigos blogueiros que pensem bem antes de submeter-se a esse tipo de parceria. Elas sim nos desmerecem, se nosso trabalho é de tão pouco valor, porque querem nossa ajuda na divulgação? Pensem nisso.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

27 comentários:

  1. Oi Andréa!

    Como já li seu texto na íntegra *O*, só venho ressaltar o que já te falei: CONCORDO PLENAMENTE COM VC!
    Nosso tempo é curto, tudo o que fazemos, fazemos por gostar de ler e dos nossos autores. Acho ridículo qdo recebo propostas deste tipo, nem termino de ler as "diretrizes", apago e pronto. Nós gastamos tbm! As editoras de que somos parceiras, nos enviam livros gratuitamente para resenha e para sorteio, qdo o livro é sorteado, nós gastamos no correio. Saiu aquele livro super badalado e quero sortear no meu blog mas não tenho parceria com a editora, lá vai eu comprar o livro e sorteá-lo no blog. Como vc disse, pagamos pelos marcadores, chaveiros, domínio, layout,eventos que vamos.... nada disso é de graça, quisera eu que fosse, viajaria pelo Brasil todo para conhecer os autores que gosto!
    Infelizmente, por causa de alguns, ainda somos ofendidos, mas é como vc disse: Cabe ao escritor interessado escolher e confiar no blog parceiro. Quando posso, compro os livros que os autores parceiros vendem a um preço baixo, mas não é sempre que posso fazer isso, e convenhamos, os livros nacionais são absurdamente caros em comparação aos internacionais. É o nosso país neh? Fazer o que.
    Repito mais uma vez: Concordo com vc e não aceito mais esse tipo de parceiro que tenta minimizar o nosso trabalho. Tbm estou correndo de autores que tem inúmeros parceiros e pede para divulgar de tudo, no final do mês sorteia 2 exemplares entre os tantos blogueiros. Prefiro ter poucas parcerias, mas de qualidade, parceiros que podem contar comigo e que eu possa contar tbm. Graças a Deus não tenho o que reclamar dos Parceiros do Livros de Elite.São todos especiais para mim e para a Geeh.
    Parabéns pelo texto maravilhoso! Vou divulgar!

    bjo bjo^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Ana!
      Você sabe como eu me esforço para agradar a todos, mas chega uma hora que cansa ser tão desmerecida...

      Bjus!

      Excluir
  2. Valorização e respeito são fundamentais, principalmente em parcerias. Neste caminho, só há vencedores!
    Beijos Andrea e beijos aos amigos blogueiros! Sem vocês, a estrada da literatura nacional seria ainda mais longa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo seu apoio! É muito gratificante encontrar quem ainda acredite que os blogs são fundamentais!

      Bjus!

      Excluir
  3. infelizmente os autores nacionais as vezes se sentem tão desgastados por seu trabalho que descontam naqueles em que deveriam buscar o apoio para o reconhecimento!
    são situações como essa que nos fazem repensar o trabalho que dedicamos muitas vezes como hobbie ou como uma fonte de renda complementar... Como você gosto da leitura nacional, mas temos que admitir que há autores bons, outros que precisam melhorar a escrita e a construção de enredos e que quando você expõe isso em uma resenha te atira pedras, as vezes fica uma saia justa!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Thaila! Obrigado pela opinião!
      Exatamente, hoje existem muitos escritores surgindo, e isso é uma coisa muito boa, porém precisamos manter a qualidade da leitura, e a critica sempre engrandece o espirito. Eu preso aqui no blog por manter minha opinião verdadeira e já comprei algumas brigas por conta disso.

      Bjus!

      Excluir
  4. Oi Amiga...Quando vi esta postagem com certeza me deu um sentimento ruim por estar tão afastada do blog...Mas bem como você falou faço artesanato e imagino como deva ser super corrido para você, e realmente peço que não desanime pois você tem seguidores que amam seu blog assim como eu...Uma pena toda esta situação realmente, e julgar alguém que te ajuda é complicado...Seria interessante se todo escritor tivesse a oportunidade de conferir tuas palavras escritas aqui e ver o outro lado também.
    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Michelli! Saudades! rs
      Pois é! Artesanato também é trabalho não é mesmo, e ainda assim sempre existem aqueles que acham que não é tão difícil assim, exatamente como ser blogueira. As pessoas precisam valorizar mais o trabalho aleio ao invés de olhar somente para o próprio umbigo.
      Fico muito feliz por você sempre lembrar de dar uma passadinha aqui, e digo quem em três anos de blog, ainda continuo a postar por pessoas assim como você! Obrigado mesmo!

      Bjus

      Excluir
    2. Nossa Andréa me emocionei com tuas palavras!! Obrigada pela atenção e carinho!! Sigo vários blogs e há alguns que acompanho sempre não pelas promoções, mas por que simplesmente gosto e me identifico com as opiniões e o seu é um deles. Parabéns por tanta dedicação e lembre sempre que você tem seguidores fies que amam seu blog!!

      Excluir
  5. Oi, Andréa!
    Levanto e bato palmas para você. Estou acostumada a ouvir: "blogueiros não fazem nada, só ganham livros de graça" e me sinto exatamente da mesma forma. Ninguém sabe que custa dinheiro ter um endereço personalizado, um layout especial, gadgets e formatos que evoluem de tempos em tempos, enviar prêmios... Fora as intermináveis listas de leitura, filmes, séries e conteúdo feito com carinho (e muito suor) para nossos leitores.
    Ter um blog é uma responsabilidade muito grande e uma missão muito bonita para sermos vistos com maus olhos ou desvalorizados. Levanto sua bandeira!
    (www.aovelhanegra.com)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Liliana! Obrigado pela visita e pela opinião!

      Eu me sinto extremamente injustiçada quando escuto isso sabia? Mesmo porque eu não preciso ganhar livros, se eu quiser ler eu vou compra-los. O que quero são parceiros de trabalho, são pessoas com as mesmas causas buscando espaço para a leitura!

      Bjus!

      Excluir
    2. Exatamente! Claro que fico alegre em ganhar livros (quem não ficaria?), mas como você disse, é trabalho. Eu leio cada um deles, preparo uma crítica, posto uma matéria, faço divulgação dela... Então, sim, super concordo :)

      Excluir
  6. Nossa, lavei minha alma lendo seu texto, essa semana li uma regra de parceria de um autor que desmerecia e muito o trabalho de um blogueiro sério, e isso me deixou pt da vida. Me senti escrevendo suas palavras ao ler esse post, tenho parceiros maravilhosos no blog, mas já li muita coisa chata de alguns outros que não são parceiros.Eu que sou mãe de dois pequenos, esposa, dona de casa e trabalho fora, sei o quanto é difícil arrumarmos aquele tempinho para atualizar o blog, ler os livros e resenhá-los com zelo e depois claro, divulgar a resenha, mas infelizmente alguns autores acham que ler o livro,resenhá-lo e divulgar não da trabalho e muito menos é um trabalho que deve ser respeitado. Tem hora que da vontade de mandar ir em uma agência de publicidade e ver o quão caro é para divulgar uma notinha do livro, aff, algumas vezes até pensei em desisti por esse desrespeito de alguns, mas o carinho e respeito de muitos outros e o meu amor pela leitura é que me dão força e serenidade para prosseguir.
    Você deveria colocar esse texto na íntegra no face, apoio com certeza.

    bjs e sucessos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Simeia! Obrigado! Pela interesse no texto e pela sua valiosa opinião.
      Estava já a ponto de me perguntar se era eu a errada. Será que pensar no meu blog como trabalho está completamente fora de sintonia com o mundo? Sério, não consigo entender o que certos autores pensam, e mais, existem autores lançando sua primeira obra, são tão, ou mais, desconhecidos que eu para o mundo e ainda se acham no direito de menosprezar alguém! Mas quer saber onde está o erro? Nos próprios blogueiros que aceitam e se submetem a isso. Temos de levantar a cabeça e deixar de nos abalar com isso.

      Bjus!

      Excluir
  7. Querida Andréa, não se sinta dessa forma! Eu adoro seu trabalho e como autora nacional, não posso deixar de declarar meu apoio e meu respeito aos blogues dos quais me relaciono. No entanto querida, somos todos humanos, com erros e acertos, alguns de nós como eu, autores, outros blogueiros, outros leitores, etc. É saudável termos opiniões distintas e dialogarmos a respeito. Eu acredito que é desta forma que de fato crescemos e diminuímos o risco de nos tornarmos os 'arrogantes donos da verdade'. Mas também temos que ter o discernimento das coisas (consciência, cuidado) estabelecendo dessa forma alguns 'filtros,' principalmente para esse tipo de situação.
    Amora, valorize o que te faz bem. Se dedique cada vez mais ao seu trabalho e seja muito feliz! <3
    P.S. Acho que você vai adorar meu artigo na revista Eu Leio Brasil que será distribuída na Bienal de SP! Só acho!!! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Simone! Obrigado por ler meu desabafo!
      Você é uma das parceiras que tenho orgulho de apresentar de divulgar aqui no blog, pois soube me entender mesmo quando desapareci por 3 meses! rs
      Como mencionou, todos cometemos erros, por isso quero que esse texto rode um pouco, acredito que tem muitos autores que nunca pararam para pensar em todos os lados dos envolvidos na parceria. Hoje em dia virou um pouco "moda" ser escritor, o que não seria ruim se não fosse pelo fato de muitos escreverem coisas terríveis, sem sentido e sem nenhuma atenção. Como posso dizer ao meu leitor que a obra é boa sem nem ao menos a li? O que falta hoje para os blogueiros é comprometimento e honestidade, mas em meio ao joio sempre haverá o trigo e o autor precisa saber selecionar.

      Bjus!
      PS: Curiosíssima!!! kkkk Cade esse artigo meu Deus?! Já não basta esperar pelo "Para Sempre, Minha Pequena", agora isso também?! kkk

      Excluir
  8. Oi Andréa, faz tempo que não comento aqui, mas saiba que admiro demais o seu trabalho, estive "do seu lado" em várias situações e agora não poderia ser diferente, pois concordo plenamente com você. Eu não possuo blog, mas acompanho a blogosfera há anos e sei bem do que você está falando, já vi muito disso tudo. Mas não desanime, você sabe o quanto és importante, eu e muitas pessoas valorizamos o seu trabalho.
    O Fundo Falso foi um dos primeiros blogs que conheci e nunca deixei de acompanhá-lo, mesmo que não tenha mais tanto tempo para comentar e participar, eu estou aqui te apoiando e admirando, Andréa.
    Parabéns, beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Laura! Fico muito feliz que tenha parado para ler meu desabafo! E muito mais feliz por saber que acompanha o blog! É por leitores como você que eu continuo nessa estrada! Muito obrigado mesmo pelo apoio!! Me mande um alô mais vezes!!

      Bjus!

      Excluir
  9. Oi Andréa, parabéns pelo texto. Sou um novo escritor, acho que você já viu algumas resenhas do meu livro, e só queria dizer que da mesma forma que alguns blogueiros ruins deixam alguns autores com "os dois pés" atrás, por outro lado, alguns autores insensíveis magoam alguns blogueiros.. infelizmente é o ato de "ser humano". Eu fiz algumas parcerias, e não tenho do que me queixar, mas infelizmente não consigo doar livros para todos que pedem. Adoraria, mas da mesma forma que nem todos os jogadores ganham como o Neymar, acho que ainda menos escritores ganham como o Paulo Coelho. Então, por esse motivo, proponho sempre um valor 50% menor para blogueiros. Em algumas exceções até me esforço para fornecer o livro gratuitamente. Mas existem formas e formas de dizer que não vai dar pra fazer isso. Acho que todos os trabalhos são dignos e merecem reconhecimento e respeito. Se tal autor não quer ou não gosta de enviar livros, que simplesmente diga "não, obrigado". Afinal, educação e cordialidade são os primeiros passos para um mundo melhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rodrigo! Obrigado por ler e pela sua opinião.
      Sim, exatamente, é por isso que ainda não desisti, porque sempre existem aqueles que te vê com bons olhos e faz valer a pena o que outros dez não fizeram.
      Certamente eu compreendo que é impossível doar livros a todos. E é nesse ponto que cada parceria precisa ser discutida individualmente. Acredito eu que se o autor tem uma cota de 5 livros que consegue doar (no sentido de divulgação) ele precisa procurar 5 blogues em que confia que faram esse 5 valerem a venda de dez, deu pra compreender? E acho justo sim abrir parcerias que já estejam alertadas que tem um valor de custo. Eu mesma tenho parceiros aqui que trabalho dessa forma.
      O que me chateia mesmo é ver o escritor abrir inscrições publicas no face e já dizer logo de cara, não vou dar nada pra ninguém. Acho que ninguém chega em uma empresa e diz, não farei nada que seja bom para você... É por ai a minha linha de pensamento.
      Educação ainda pode mover montanhas!
      Abraços!

      Excluir
  10. Oi, Andréa.
    Acompanho seu blog a pouco tempo, conheci pelo União dos Autores. E gostei muito de você e seu trabalho, já trocamos até figurinha sobre cabelos. rsrs

    Bem, falando sério. Fico chateada por ter esse tipo de pensamento quanto ao trabalho de vocês. E como você disse é como qualquer outro, precisa ser reconhecido e respeitado.
    Sou nova na literatura e digo sempre, eu não teria chegado onde estou sem a ajuda dos blogueiros. Procuro manter um relacionamento de amizade com meus parceiros, porque acho que isso é importante. Recentemente abri parcerias, pois tinha poucos e vi necessidade de mais. E achei justo que todos recebessem seu exemplar, pela ajuda e tempo que disponibilizam, como não posso liberar todos de uma vez fiz um sistema para que todo mundo tenha o seu. Na verdade já até fechei, para não ficar muitos e a espera muito longa.
    Mas enfim, concordo com o que disse. Tá certíssima em desabafar, estamos aqui para apoiar um ao outro. Não apunhalar ou dar rasteiras.
    Beeijo lindona, adorei seu texto. Precisando só chamar, de verdade. :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gisele! É claro que me lembro sobre o cabelo! rsrsrs
      Obrigado pelo interesse em ler e pela opinião!
      Eu também acredito que acima de tudo a amizade ainda tem valor! Tem autores (pessoas no geral) que são suas amigas quando precisam de divulgação, mas assim que recebem uma critica (como essa) excluem você do face!
      Você esta cheia de razão. Eu penso da seguinte forma, se você tem 5 livros que pode disponibilizar para esse fim, você fechará parceria com 5 blogs. Simples. Caso queira abrir parcerias para blogs que aceitem pagar pelo preço de custo isso precisa ser avisado antes, não fazer o blogueiro postar vários anúncios do seu livro e depois de um mês você dizer que não pode enviar um exemplar. Poxa como eu digo aos meus leitores que aquela obra é boa se nem eu mesma li? Preciso passar ao meu leitor credibilidade.
      Obrigado mais uma vez! Nos vemos na Bienal então! rs
      Bjus

      Excluir
  11. Andréa, inicialmente quero parabenizá-la pelo seu belo trabalho. Já lhe acompanho por um bom tempo desde que optei entrar para este universo. Estou apenas iniciando e, como tal, procurei por editoras e escritores. Editoras para quem esta começando, você já sabe como é, bastante difícil você ter abertura. Agora escritores, em geral fui bem tratado mas me deparei com esta situação inusitada e, para aqueles que educadamente me explicaram, eu confesso que entendi e até apoio a forma de trabalho destes. Outros me lançaram desafios para então conquistar as suas parcerias o que me deixou muito lisonjeado por dois aspectos fundamentais, força para alcançar os objetivos estipulados e primordialmente o valor e estímulo a aqueles que mesmo iniciando podem eventualmente se tornar bons parceiros. No entanto, me deparei com algumas situações até então inusitadas para mim pois, na minha inocência do meio jamais imaginei que alguém poderia eventualmente querer levar vantagem por causa de um livro. Mas, numa conversa com uma escritora ela me mostrou uma situação a qual fiquei boquiaberto. Onde me obriguei a entender certas atitudes. Mas a algum tempo atrás, participando de um grupo de escritores, me deparei com um texto similar ao que citou e que mesmo eu apenas iniciando neste meio, me senti menosprezado e fui discutir a questão com o tal escritor onde, detalhadamente expus os gastos para se ter um site, registros, ambiente, equipamentos, energia, internet, tempo dispensado, entre outros. Confesso que me vi desamparado ao observar que nenhum site/blog havia se manifestado contra aquela convocação absurda dos escritores se posicionarem contra os blogs. Hoje, ao ler o seu texto muito bem escrito, que fique registrado, me sinto aliviado pois vejo que este universo tem gente que não esta aqui somente para dizer amém e sim, fazer o trabalho de forma séria e digna, expressando de fato a sua opinião sobre tudo e todos. Só posso parabenizá-la e admirá-la ainda mais. Um forte abraço de um em breve parceiro de atividade!

    ResponderExcluir
  12. Gostei muito do seu blog, e gostei também do seu desabafo. Nem sabia que essa prática entre autores existia. O autor querer cobrar para enviar um livro? É como você disse, é bem melhor ter o livro resenhado e sendo divulgado em um blog, do que parado na estante. Abraços!

    ResponderExcluir
  13. Oi, Andréa.

    Tenho meu blog há dois anos. Quando o criei nem sabia que poderia ter parcerias, mas depois descobrir que poderia ter e passei a solicitar, mas de certo tempo para cá eu parei. Simplesmente parei. Quando pedem para que eu resenhe um livro e o faço, dando minha opinião a respeito.

    Tempos atrás teve uma autora que chamou os blogueiros em uma publicação que fiz em meu facebook de Máfia. Isso mesmo Máfia. E, por isso desistir de apresentar o trabalho dela em meu blog como faço para muitos que nem chego a ler os livros, divulgo apenas por achar que alguns dos meus leitores irão se interessar. Portanto nosso prazer que virou obrigação e trabalho da frutos para as editoras e autores. Acho muito ruim essa questão toda de brigas desnecessárias que vemos por ai, pois ninguém é obrigado a dar livros como não somos obrigados a ler apenas obras de brasileiros. Se olharem maioria das resenhas do meu blog são nacionais. Comprei muito poucos dos livros que tenho, pois estou sem emprego, mas se ganho não rejeito e faço a devida de divulgação e sei que ajuda do meu jeito.

    Parabéns pelo texto e vou parar por aqui

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Sem palavras... Transmitiu exatamente o que penso. Esses dias vi um comentário importuno no mesmo estilo desse que citou e fiquei refletindo sobre isso por dias.

    Beijos,

    Juliana Garcez | Livros e Flores

    ResponderExcluir
  15. NOssa! Não vou me estender, mas concordo com vc em cada linha, em cada vírgula. O texto está EXCEPCIONAL. Acho que resume a tudo o que um dia eu quis dizer, o que anda entalado na minha garganta. Parabéns!

    Beijos! Muito sucesso para o seu blog!
    Dai | http://www.cheirodelivronacional.com.br/

    ResponderExcluir

Por Dentro


© Fundo Falso - 2016. Todos os direitos reservados | não responsivo, melhor visualizado no Google Chrome.
Design e programação por Andréa Bistafa | Ilustração original de Marciano Palácio | Tema base: Blogger | Versão 4.0 | Blog no ar desde 11.01.2011.