Pré Venda: Saraiva / Submarino

sábado, 30 de abril de 2011

Sábado corrido! Passando rápidinho para deixar a dica!

Obs: Esse é o último post do mês de Abril, portanto aproveitem para preencher o formulário de comentaristas!! O resultado será apurado na próxima semana!


Confira a lista das pré vendas na Saraiva:



Pré venda no Submarino:




Esse ano as editoras estão judiando da gente!!

Dessa lista já comprei "Radiante", e o próximo da lista é "Deusa do Mar".
E você?






Comprando pela capa: Radiante

sexta-feira, 29 de abril de 2011

 Olá pessoal!!

Era para ter feito este post ontem, mas estou doente, e sem muito pique!
O nome da coluna está mudando, antes era "Julgando Pela Capa", mas por problemas autorais, estou mudando para "Comprando Pela Capa", ok, criatividade zero né?! rs Mas encaixa com o objetivo do post =)

Então vamos lá, a capa da vez é:


Sinopse
Algum tempo após o acidente de carro que a matou, Riley Bloom deixou sua irmã, Ever, no mundo que conhecemos e atravessou a ponte da vida após a morte até um lugar chamado Aqui, onde o tempo é sempre Agora. Riley reencontrou os pais, também vítimas do desastre, e Buttercup, o cão da família. Todos estavam se adaptando a uma morte boa e tranquila, até que ela foi chamada perante o Conselho e um segredo lhe foi revelado: a pós-vida não significa simplesmente uma eternidade de lazer. Riley tem tarefas a realizar. Ela é designada como Apanhadora de Almas, e Bodhi, um garoto diferente, que ela não consegue decifrar muito bem, é seu guia. Riley, Bodhi e Buttercup voltam à Terra para sua primeira tarefa: fazer o Menino Radiante, que há anos assombra um castelo na Inglaterra, atravessar a ponte. Muitos Apanhadores de Almas já tentaram convencê-lo e não obtiveram sucesso. Mas isso foi antes que o menino conhecesse Riley.. 

Eu era louca por essa capa a muito tempo!! E pensei em comprar em inglês várias vezes!! E ontem fiquei sabendo que já estava em pré venda na Saraiva, adivinha?? rsrs

E você, compraria pela capa também? Deixe o porquê nos comentários!





Meme: Marcados

quarta-feira, 27 de abril de 2011

Estou devendo esse meme a séculos!

Confesso que morro de preguiça de postar memes rsrs

Esse quem me indicou foi a Vivi do Filmes Livros e Séries, a do Only The Strong Survive e o Duh do Boys e Livros!

Obs: Tem mais uns mil Memes que não respondi! Eu tenho todos guardadinhos viu pessoal, logo eu vou fazer uma lista de agradecimento por eles, pois tem uns tão antigos que nem tem mais graça! rsrs

Regras:
a) Levar o banner do desafio;
b) Linkar quem te marcou;
c) Marcar 5 blogs e avisá-los:


d) Responder às perguntas:

1) Gostaria de ser um vampiro e viver eternamente?
Sim!

2) Se fosse um vampiro(a) como gostaria de ser chamado(a)?
Hum, gosto do meu nome, e seria estranho mudar eu acho... Mas por motivos de identidade escolheria um nome para cada lugar em que eu estivesse.

3) Qual a idade que gostaria de ter para sempre?
18 ou 19 anos, considero que essa foi minha melhor fase! (fisicamente)  rs

4) Qual seria sua aparência?
Branca feito leite (igual atualmente), loira e má! rs

5) Seria do bem ou do mal?
Nem um, nem outro, igual sou atualmente! rs

6) Viveria entre os humanos ou preferia ser solitário?
Solitária, me relacionaria o essêncial

7) Conseguiria viver de sangue ou seria "vegetariano"?
Viveria de sangue, estilo os vampiros da Charlaine Harris, na medida certa!

8) Qual seu vampiro da ficção favorito?
Eric da série "Sookie Stackhouse"

9) Qual seu livro sobre vampiros favorito?
A série da Charlaine Harris mais uma vez! Em especial o livro três e quatro.

10) Assiste algum seriado sobre vampiros atualmente?
The Vampire Diaries e True Blood.

11) Indique um filme sobre o assunto:
Um clássico: "Nosferatu". Série vale? "True Blood". Um interessante: "Deixe Ela Entrar".

12) O que acha da saga Crepúsculo?
Eu particularmente gosto sim. Uma história de amor muito linda. Não tenho nada contra mudarem o conceito dos vampiros. No mundo da fantasia, tudo é válido.

13) Qual o vampiro(a) mais lindo(a) da atualidade?
Eric, sem dúvidas! E também o Wrath do "Amante Eterno".

14) Qual o casal mais lindo?
Sookie e Eric!! Nada do Bill no meio não!!

15) Prefere um anjo ou um vampiro?
Vampiro.

16) Preferia namorar um lobisomem ou um vampiro?
Vampiro.

17) Se fosse um vampiro namoraria um humano?
Provavelmente sim, vampiros devem ter um gênio muito ruim! rsrs

18) Se os vampiros existissem, se apaixonaria por um?
E não existem???

19) Se fosse um vampiro, seria vingativo?
Já sou hoje, imagine depois de vampira!

20) Seria belo ou monstro?
Belíssima claro! rs

21) Qual poder gostaria de ter?
Invisibilidade, agilidade e hipnose.

22) Conseguiria ficar longe de sua família?
Seria difícil no começo, mas depois inevitável, não?

23) Se vivesse eternamente, o que você gostaria de fazer nesse tempo todo?
Viajar e ler muito!!

24) Em quais lugares moraria?
Todos! Passaria um tempo em cada parte do mundo.

25) Teria coragem de transformar alguém em vampiro?
Provavelmente sim.

26) Qual seria seu pior inimigo (ser sobrenatural)?
Relativo! Qualquer um que cruzasse meu caminho e me desafiasse!







Resenha: Teia Virtual - Carlos Bonito

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Primeiro livro do booktour "Selo Brasileiro"

Nome: Teia Virtual
Autor: Carlos Eduardo R. Bonito
Editora: Literata
Pág.  256
Onde Comprar: Livraria Cultura


Sinopse: A Internet é realmente um dos maiores veículos de comunicação já criados na atualidade. Nela podemos ser o que queremos, fugindo assim do mundo real, criando um mundo paralelo, onde figuramos de anjos a demônios, podendo até alimentar o ódio de não ser aceito pela sociedade no mundo real. Assim começa a elaboração de uma teia nociva, permissiva e a falsa impressão de se conseguir tudo o que se quer, pela lei do menor esforço. Pessoas emocionalmente vulneráveis, de alma fraca, que transitam do mundo real ao virtual, na busca das soluções para seus problemas ou do sucesso pessoal, como, por exemplo, ser bem sucedida, como a invejada prima, sem nenhum esforço, acabar com a depressão, por ser um astro de rock e não saber lidar com o sucesso e a fama, ou alcançar a felicidade, estabilidade financeira e ser aceito como homossexual, no seio de uma família com valores que não aceitam esse comportamento, ou até mesmo, indo mais além, aos olhos da crença de uma ex –atleta, a palavra de Deus é distorcida e usada para se libertar e “libertar” a alma do seu marido, onde, na verdade só há o desejo de vingança. Afinal, a indução ao ódio é possível? Devemos ou não libertar os nossos demônios? Tudo é possível, quando se deixa cair e se prender a uma TEIA VIRTUAL doentia criada por um ser humano com uma inteligência fora do comum, mas renegado pela sociedade.




Alexandre é um bem sucedido promotor de justiça, que leva uma vida confortável e estável, adquirida com muito estudo e esforços.
Após a perda de seu pai, carrega, o que encara como um fardo, seu irmão mais novo.
Até onde as certezas que possuímos, são verdades absolutas?
Quatro réus, nenhum mistério ronda os crimes. Uma verdade absoluta? Poderiam réus confessos não terem 100% de culpa? Logo que nenhum deles apresentam antecedentes criminais, e suas vítimas, sempre são pessoas próximas. Um ponto os liga. Um amigo virtual. Conversas estimulantes, justiça libertária?!

Este livro nos remete a análise do que a liberdade virtual pode acarretar. O fácil acesso a informações, amizades virtuais. Mundos paralelos.

"Agora aqui estou eu, mergulhado neste mundo psicótico tentando ser mais louco que o próprio serial, só assim para poder pegá-lo em sua própria teia. Esse cara é alem de tudo, uma cria da tecnologia moderna imperfeita. É a maior prova da parte negativa do mundo virtual, pois ele é um assassino que não precisa de contatos físicos com suas vítimas, ele cria soldados para sujarem suas mãos por ele." pág. 239

Eu gostei bastante da trama. Gostei da análise dos motivos que levaram o serial a se comportar desta maneira. Existe uma agressão psicológica, que condiz com a minha crença de que todo ser humano reflete o que lhe é imposto na infância.

Não gostei da narrativa do livro, o autor não conseguiu manter a coerência. No inicio temos Alexandre narrando sua historia, depois passamos a ter também o ponto de vista dos demais personagens, finalizando com uma narrativa em terceira pessoa. Não prejudica de fato, mas pode atrapalhar um pouco o fluir da leitura.
Outro ponto negativo foi que o autor deixou de lado os dramas da vida pessoal de Alexandre, que é o nosso personagem principal. No inicio temos ênfase em um relacionamento mal resolvido entre ele e a repórter Helena, mas ao decorrer do livro, essa questão fica muito perdida e o final atropela essa questão. O desfecho muito "rápido" do livro prejudicou alguns ângulos da história.

Concluindo, apesar de tudo o que depõe contra, eu gostei bastante do livro, é de um conteúdo excelente, muito proveitoso. Abre os olhos de pessoas mais leigas diante da grande "Teia Virtual".
Só melhoraria a capa, da qual não gostei nem um pouco. Ao meu ver não passa ao futuro leitor o bom conteúdo que carrega.


História:
Capa:

Na Caixa do Correio #11

domingo, 24 de abril de 2011

Olá pessoal!!

Feliz Páscoa a todos!! E feliz dia mundial do livro (atrasado) também!!!
Espero que todos tenham ganhado muitos ovos de chocolate! \o/

Eu to mega feliz, (alem de comer muito chocolate rs) eu vi que aumentou bem os comentários por aqui, e fico mega feliz mesmo! Assim consigo saber se vocês gostam ou não dos post! ^^

Então vamos a caixa do correio dessa semana, e vejam, é apenas um vídeo hoje!! Consegui me superar rsrs

* Pessoal, o som está mega baixo, agora que eu percebi o quanto fica baixo, pois aqui no meu micro o som sai normal, mas no notebook não da nem para ouvir!! Então peço desculpas, no próximo vou gravar bem mais perto da câmera ;)



Comprei: 

Firelight - Sophie Jordan
Hex Hall - Rachel Hawkins
Em Chamas - Suzanne Collins






Julgando Pela Capa: Sete Vidas

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Olá pessoal!

Primeiro post da coluna "Julgando Pela Capa" ! (Aleluia né? rs)

Nessa coluna, vou mostrar uma capa (preferencialmente um lançamento ou pré-venda que pouca gente já tenha lido) e quero saber de vocês, compraria pela capa?

Como vocês sabem, sou viciada em capas e sim, compro e coleciono belas capas independente do conteúdo! =X

Então, a capa da vez é:


Essa é a capa de "Sete Vidas", romance de estreia de Mônica & Monique Sperandio.


Sinopse

Na pequena cidade de Moonville, Aprilynne Hills é conhecida como a rebelde do orfanato Joy Lenz. Sua vida se resume em quebrar regras e aceitar desafios. Após perder uma aposta de sua inimiga Angelique, tudo toma um rumo inesperado. Encontrar uma garota morta em um lago e começar a ter alucinações não estava em seus planos. Descobrindo poderes que nunca imaginou ter, April contará com a ajuda de poucos para resolver um mistério que envolve até deuses do antigo Egito. Mistérios, segredos, lutas e romance te aguardam nessa narrativa que promete tirar o fôlego dos leitores em cada página. 

Sobre as autoras:
Mô e Nick são curitibanas, leitoras, escritoras, sonhadoras e dramáticas.. São viciadas em twitter, moda, tubaína, Anahi, livros, seriados, músicas e piscina. As duas têm 17 anos e acreditam em magia, em fadas e em Peter Pan. Os escritores favoritos das gêmeas são: Clarice Lispector, J.K. Rowling, Nicholas Sparks, Cornelia Funke, Meg Cabot e Amy Huntley. A frase que melhor define as duas é da Clarice Lispector: “Escrevo por não ter nada a fazer no mundo: sobrei e não há lugar para mim na terra dos homens. Escrevo porque sou um desesperado e estou cansada, não suporto mais a rotina de me ser e se não fosse sempre a novidade que é escrever, eu me morreria simbolicamente todos os dias.” 

Essa capa foi postada essa semana no Twitter. O livro tem previsão de lançamento entre final de Maio e começo de Julho pela editora Underworld.

Quem quiser saber um pouco mais acesse: Gemeas Things


Mas e ai? Compraria só de olhar essa capa na livraria? Deixei o seu porquê nos comentários!








Sorteio dos Marcadores


Conforme prometido ontem no Twitter, vou fazer o sorteio do kit marcadores para os comentaristas do post "Resenha: Entre o Amor e a Amizade"

Obs: Levei em consideração apenas um comentário por pessoa, ou seja, se você comentou duas vezes ou mais, só valeu seu primeiro coment, ok?

Vamos ao ganhador desse kit.




*Entrarei em contato e preciso de resposta em até 48h, caso contrario, os marcadores serão sorteados novamente.




Resenha: Entre o Amor e a Amizade - Bianca Briones

terça-feira, 19 de abril de 2011

Nome: Entre o Amor e a Amizade
Autor: Bianca Briones
Editora: Lexia
Pág.  256
Onde Comprar: Com a Autora



Sinopse: Viviane acabou de perder uma das pessoas mais importantes de sua vida. Rafael luta para reestruturar a sua... Ela vive um relacionamento sem futuro. Ele tenta deixar seu passado pra trás... Quando menos esperavam, eles se conheceram e descobriram pelos olhos do outro que, apesar da dor, a vida não para. Ele a salvou de todas as maneiras que uma pessoa pode ser salva. Ela lhe mostrou que ele podia parar de fugir. Ele a fortalecia. Ela era seu anjo. Quando você conhece alguém que sabe exatamente como você se sente, conhece seu pior lado, sabe de todos os seus defeitos, esteve presente nos piores e melhores momentos, alguém que o ama sem pedir nada em troca e já não sabe mais onde começa a sua história e termina a dele, você não quer perdê-lo. Ainda que isso signifique lutar contra o que você sente porque, afinal, a única coisa que importa a você é que ele esteja bem. 





 "Entre o Amor e a Amizade" nos apresenta a vida de Viviane e Rafael entrelaçadas pelo destino.

Logo após perder seu pai, Viviane se vê sem rumo, sem seu grande companheiro, com sua mãe afastada pela dor e um relacionamento desgastado. Abalada e afastada da vida social, percebe que seu namorado se importa mais com os amigos do que com ela. É então que decide por um fim a uma relação de mentira e dar a volta por cima.
Mas quem já saiu de uma longa relação, sabe que não se sai completamente ileso, e é neste momento de aflição que Vivi conhece Rafael.
Rafael passou pelos mesmos problemas, e hoje, completamente restaurado e bem mais forte, ajuda Vivi a se reestabelecer. Ali nascia uma amizade acima de qualquer coisa.
Entre muitas cabeçadas e burradas que cometemos por não enxergarmos que a felicidade está, muitas vezes, debaixo dos nossos narizes, Vivi parte em busca de outros relacionamentos e Rafa também. 

Existe uma linha tênue entre o amor e a amizade que ficará exposta neste livro. Com uma historia marcante e envolvente, Bianca conduz os leitores ao seu intimo, buscando o real valor de verdadeiras amizades e do companheirismo. Cheio de perdas e conquistas, o livro tocou meu coração, principalmente quando Vivi se da conta que poderia estar apaixonada pelo seu melhor amigo.

* Obrigado Vivi (Filmes, Livros e Séries) por ter me emprestado o livro =)


História:
 Capa:

Novas Parcerias: Editoras

sexta-feira, 15 de abril de 2011

Olá pessoal!!

Não se assustem com o post mega longo de hoje! Estarei falando um pouco mais sobre todas as editoras que tornaram-se parceiras do blog essa semana!


Grupo Editorial Record

Uma empresa 100% nacional: o maior conglomerado editorial da América Latina fala português. Líder no segmento dos não-didáticos, o Grupo Editorial Record mantém a posição apostando em qualidade e diversidade. Desde 1942, quando foi fundada por Alfredo Machado e Décio Abreu como uma distribuidora de quadrinhos e outros serviços de imprensa, conserva a vocação de difundir informação, conhecimento, cultura e entretenimento literário.
     Com onze perfis diferenciados — Record, Bertrand Brasil, José Olympio, Civilização Brasileira, Rosa dos Tempos, Nova Era, Difel, BestSeller, Edições BestBolso, Galera & Galerinha — o objetivo é sempre trazer o que há de melhor para o leitor brasileiro.
     De seu parque gráfico, composto pelo Sistema Poligráfico Cameron, um moderno equipamento de impressão, único no continente, saem até 100 livros de 200 páginas por minuto. Ficção; narrativas históricas e científicas; ensaios culturais, sociológicos, literários e filosófico; reportagens; romances policiais e de suspense, literatura feminina e quadrinhos fazem parte do variado catálogo do grupo, hoje com mais de 6 mil títulos. 



Sextante

Numa época em que o homem só dispunha do céu e das estrelas para se orientar, o Sextante era uma ferramenta fundamental para se atingir o destino desejado. Observando através do Sextante, o navegador se norteava, medindo a distância entre os astros e o horizonte.
Foi por essa razão que escolhemos o nome Sextante para nossa editora. Vivemos, nesse início do terceiro milênio, um momento de inquietação e ansiedade, em que a aparente perda de valores essenciais convive com uma intensa busca da felicidade. Conscientes dessa realidade, investimos para que cada produto da Sextante um instrumento precioso para alcançar a paz interior, a espiritualidade e o crescimento pessoal, tratando sempre de temas importantes para a plena realização humana.
Tendo por denominador comum a busca da felicidade e da realização pessoal, nossos livros abrangem temas que vão do desenvolvimento espiritual à descoberta da vocação profissional, passando pela conquista da própria identidade e do amor que se deseja.
Fundada em 1998, a Sextante tem entre os seus autores Dan Brown, William P. Young, Harlan Coben, Brian Weiss, James Van Praagh, James Hunter, Augusto Cury, Allan e Barbara Pease, Mark W. Baker e Hugh Prather. E, em breve, Ken Follett e Ayn Rand.



Novo Conceito

A MAGIA DA LEITURA COMBINADA COM O PODER DA IMAGINAÇÃO

Quem abre um livro, descobre novos mundos por meio das palavras. O leitor, sempre que desejar, poderá se transportar para onde quiser sem sair do lugar. Em cada história, novas lições, aprendizados, conhecimentos que nos acompanharão por toda vida.
Somente os livros são capazes de desenhar novas idéias na mente e no comportamento das pessoas.
Convidamos você a viajar a bordo de sua imaginação.
Crie novos conceitos para sua vida. Vire a página e deixe-se emocionar.
Porque para fazer história nesse mundo é preciso ler.

Sobre a Editora
Fundada em 2004, a Editora Novo Conceito desenvolve publicações de qualidade, afinadas com os acontecimentos do mundo globalizado. Com temas atuais, lançamentos internacionais e nacionais, vem apontando tendências nas áreas de negócios, empreendedorismo, literatura, comportamento, atualidades, biografias, medicina e saúde, que contribuem há vários anos para a formação de profissionais, para a pesquisa científica e cultura em geral.
Primeiro fruto da experiência da Tec Holding, a Editora Novo Conceito já possui mais de 80 títulos publicados.



Leya / Lua de Papel

A LeYa nasceu em Janeiro de 2008 como empresa holding na qual se integram algumas das mais prestigiadas editoras portuguesas e duas das mais bem sucedidas editoras africanas.
Líder do mercado editorial português, angolano e moçambicano, a LeYa está, desde Setembro de 2009, a editar também no Brasil. Neste e nos outros mercados onde trabalha, a LeYa apresenta-se com objectivos concretos de vir a ser protagonista, nomeadamente pelo papel que desempenha no mundo de língua portuguesa.
A força das marcas que integram a LeYa e a qualidade do que produzem, aliadas aos objectivos ambiciosos e à dinâmica de grupo, fazem da LeYa uma empresa forte e coesa nos seus objectivos gerais e diversa nos seus programas editoriais.
Através da integração de editoras e de profissionais profundamente enraizados nos respectivos mercados, a LeYa adquiriu o privilégio de poder contar com um capital humano extraordinário e com um sólido e diversificado know-how no meio editorial. A LeYa tem hoje mais de 500 colaboradores, entre os quais se encontram alguns dos melhores e mais conceituados editores do universo de língua portuguesa, mas também profissionais muito experimentados em outras áreas fundamentais como a produção, a distribuição e a promoção do nosso principal produto, os livros.
O Grupo LeYa é formado por 18 editoras em Portugal, dentre elas estão algumas das principais editoras do país, como a Editorial Caminho, que revelou José Saramago; Dom Quixote e Asa. O selo Lua de Papel foi escolhido para ser o primeiro a aportar no país e abrigar as obras mais comerciais tanto, em ficção quanto de não ficção. Para comandar o selo, o grupo contratou Pedro Almeida, ex-Ediouro, que foi responsável por edições de Almanaques, Biografias e o mega-sucesso Marley e Eu.
Seguindo o caminho de Portugal, o novo selo conta com uma equipe própria de marketing e comercial, a fim de criar uma identidade própria e firmar-se como uma das grandes editoras no Brasil.


 WMF Martins Fontes

Desde o início, o foco da editora sempre foi voltado para a publicação de long-sellers, ou
seja, livros com conteúdo de grande relevância para uma determinada área do conhecimento, que dificilmente teriam um grande “boom” de venda, mas que certamente continuariam sendo consultados e comentados ao longo de muito tempo. Assim, Waldir Martins Fontes, passou décadas editando obras de importância inquestionável nos campos da filosofia, da sociologia, da história, da filosofia do direito, da psicologia e da literatura. O catálogo infantil e juvenil da editora também passava pelo crivo preciso do editor, que demonstrou grande sensibilidade profissional ao trazer para o Brasil livros inesquecíveis como Onde está Wally?, Olho Mágico, As crônicas de Nárnia, O senhor dos anéis e Mafalda. No ano 2000, Waldir Martins Fontes faleceu e deixou a editora nas mãos de seus dois filhos, Alexandre e Evandro. Por questões administrativas, diante de um catálogo muito extenso e que precisava encontrar novas ferramentas de trabalho, os dois irmãos concordaram que poderiam conseguir resultados melhores se dividissem este catálogo ao meio e criassem duas novas editoras.

Assim, em 2005 nascia a Editora WMF Martins Fontes. À frente desse novo desafio, Alexandre Martins
Fontes decidiu seguir firme os passos do pai e continuou a mesma filosofia de publicação. Hoje, com quase 1000 livros em seu catálogo, a Editora WMF Martins Fontes é uma grande referência no mercado editorial brasileiro e mantém um trabalho sério e cuidadoso em todas as suas edições.



Pensamento / Cultrix / Seoman


A Editora Pensamento foi fundada em 26 de junho de 1907 por Antônio Olívio Rodrigues, que, de acordo com jornais da época, demonstrava grande interesse por pesquisas psíquicas, obras de filosofia e religiões orientais, com o objetivo de criar um intercâmbio de idéias com outras pessoas cultas. O primeiro título publicado, que marcou oficialmente sua fundação, foi Magnetismo Pessoal, de Heitor Durville. Este título continua em catálogo, em sua 25° edição. Dentre outros títulos publicados em 1907, destacam-se Deve-se Praticar Espiritismo?, de Raul Silva, e A Força do Pensamento, de William Atkinson. Em 1912 foi lançado o Almanaque do Pensamento, que, editado ininterruptamente desde então, atinge hoje vendas acumuladas de mais de 22 milhões de exemplares.
Pouco antes de seu falecimento, em 1943, Antônio Olívio Rodrigues passou a direção da Editora para as mãos de Diaulas Riedel, marido de sua neta, um grande pesquisador, empreendedor e ao mesmo tempo discreto e reservado. Em 1946, em assembléia realizada na Editora Pensamento, localizada no antigo Largo de São Paulo, foi fundada a Câmara Brasileira do Livro. E, em 1956, Diaulas fundou a Editora Cultrix, com o objetivo de editar livros de filosofia, literatura, sociologia, lingüística e psicologia. Sob seu comando as duas editoras tiveram um crescimento rápido. Na década de 80, Diaulas Riedel foi o primeiro a publicar livros que tratavam do movimento New Age, em especial autores que retratavam a aproximação entre a ciência moderna e as grandes escolas de misticismo. A área esotérica da Pensamento encontrou a complementação ideal nos temas científicos que a Cultrix passou a publicar, por causa do nascimento de uma nova consciência, em que a aproximação entre o conhecimento científico e a tradição de duas grandes correntes da filosofia e da religião não seria apenas um modismo.
Com o falecimento de Diaulas em 1997, seu filho Ricardo Riedel assumiu a direção das editoras, procurando desenvolver ações operacionais nas diversas áreas da empresa, principalmente na área de marketing e na criação de uma base de dados para otimizar o processo de tomada de decisões. Em 2009, Ricardo realizou a aquisição da Editora Seoman, a qual publica livros na área de moda, biografias, cultura pop e ficção. Atualmente ele continua à frente das editoras e vai consolidando os três selos editoriais, mantendo a coerência, a ética e a qualidade em todos os livros publicados - compromisso que permanece ao longo dos mais de 100 anos de existência -, produzindo livros para um mundo em transformação.

Andross

Em agosto de 2004, a Andross Editora nasceu no campus da Universidade Cruzeiro do Sul, em São Paulo, para abrir espaço no mercado editorial aos alunos que não tinham condições de publicar seus primeiros textos. Iniciou as atividades com obras acadêmicas, mas cresceu e se mantém no mercado graças a um modelo de negócio diferenciado: a publicação de antologias.





Por Dentro


© Fundo Falso - 2016. Todos os direitos reservados | não responsivo, melhor visualizado no Google Chrome.
Design e programação por Andréa Bistafa | Ilustração original de Marciano Palácio | Tema base: Blogger | Versão 4.0 | Blog no ar desde 11.01.2011.